the mayan craper

The Soft Machine

O Soft Machine de Kevin Ayers me leva imediatamente ao The Soft Machine de mr. William Burroughs, o livro lançado em 1961 que batizou a banda inglesa. Além de dar continuidade ao universo caótico da obra-prima Almoço Nu, Soft Machine traz algumas das primeiras experiências em cut-up que o autor acabou intensificando nos livros seguintes The Ticket That Exploded e Expresso Nova.

Em The Soft Machine, o cut-up é um pouco mais comportado, é um livro bem mais acessível que seus posteriores. O meu capítulo favorito é The Mayan Craper, com a história de um sujeito que narra em detalhes a sua viagem de mil anos no tempo. Nesse capítulo, que pode até ser encarado como um conto à parte, estão as características que mais gosto na escrita de Burroughs. O humor ácido e a facilidade com que ele transforma momentos absurdos em situações quase banais.

Acontece de tudo com o protagonista no fluxo alucinado das treze páginas. Primeiro há uma “transfer operation”, ele é transferido para um corpo de um menino epilético por um médico junkie (ecos de Dr. Benway). Por fim, durante a viagem no tempo, ele é obrigado a se prostituir para padres maias que se transformam em caragueijos verdes durante o ato sexual.

The Mayan Craper é praticamente uma reunião dos principais elementos do universo Burroughs. Há a cultura mexicana, médicos sinistros, meninos sexualmente ativos, drogas, viagens no tempo, referências à polícia secreta, inovações tecnológicas e metamorfoses grotescas. Coisas que só William Burroughs consegue descrever com classe.

Anúncios

Uma resposta em “the mayan craper

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s